quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Sem Expectativas


“- Você não é assim. Mas tenho medo da pessoa que irá se tornar. ”

O profeta da desgraça: alguém que sempre apostou no meu caminho para a autodestruição. Talvez a sua preocupação seja sincera e muitas vezes fundamentada. Contudo, suas palavras apenas me relembram que somos pólos divergentes e há um motivo específico para o sepultamento de nossa relação, apesar de coexistirmos harmonicamente hoje em dia. 

Não posso negar que em determinado momento eu acreditei. Acreditei que existiria alguém transbordando dentre tantas pessoas rasas. Alguém que não desistiria quando tudo parecesse aterrorizante e impossível. Alguém que realmente se importaria. Mas acabou a espera. Diante de meus inúmeros fracassos percebi que a esperança é um fardo monumental para carregar. 

Não, não significa que estou desistindo. Somente abdico insistentemente de enxergar o que os outros negligenciam – é um trabalho árduo! Cansei de ser vítima da superficialidade. Agora serei apenas uma sobrevivente.

51 comentários:

  1. O bom da vida, embora um clichê, é que o tempo tudo leva numa brisa lenta, por vezes.

    A outra maravilha é que quando menos esperamos aparece alguém que transborda no meio da tantas razas.

    Anima-te :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Conta Corrente!
      Estou mesmo precisando de uma injeção de ânimo ultimamente. Mas... quem sabe, não é? ;)

      Beijão!


      Excluir
  2. Fizeste-me lembrar da frase que uma amiga - gostaríamos de ter sido mais do que isso mas não podíamos porque, por vezes, talvez as pessoas certas se encontrem nos momentos errados - e ela tinha no seu perfil, ainda nos tempos do Myspace:
    "No hopes, no delusions".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Konigvs!
      É mesmo?
      Talvez algumas pessoas sejam mais pessimistas... ou apenas já estejam cansadas diante de inúmeras tentativas frustradas. “No expectations, No disappointments!”. =)

      Beijão!

      Excluir
  3. esperança é um fardo mas é bem...esperança, né..é um motor, algo que impulsiona, eu acho.
    e "profeta da desgraça" com "preocupação sincera", acho q é a síntese do "de boas intenções, o caminho do inferno tá cheio"..
    acho q tem gente persistente por aí, sim...só não sei onde vivem, o que comem, o que vestem...
    excelente blog! ótimos textos! obrigado pela visita e desculpe a demora em responder!
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Fred!
      Obrigada pela visita.
      Pois é... deve existir alguém por aí. Por enquanto vou me divertindo com quem somente arranha a superfície. Não é o ideal, mas é o que temos para o momento. =)

      Beijos!

      Excluir
    2. diversão faz bem também!!!

      Excluir
    3. Faz, sim.
      O jeito é aproveitar... ;)

      Excluir
  4. Minha querida amiga, bela Helena, o que será de mim se acabarem as expectativas, diria eu há alguns anos atrás, mas aprendi, a duras penas a não criar expectativas, por nada nem ninguém, senão estarei sempre na berlinda, acreditando que a qualquer momento, adeus expectativa e olá dona realidade. Obrigado sempre pela visita.
    ps. Carinho respeito e abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Jair!
      Meu querido amigo, talvez esse seja o correto. Simplesmente aproveitarmos o que determinadas pessoas tem a oferecer, nunca esperar demais. Do contrário, decepções serão inevitáveis!

      Beijo grande!

      Excluir
  5. Me desculpe Helena, mas você parece a minha filha nesse texto. Rsrs. Relações são complicadas e o Amor existe entre esses atritos onde uns transbordam mais que os outros de acordo com suas personalidades e visão de mundo. Acredite!
    Esperança... Também carrego esse fardo. É neurótico ficar esperando por acontecimentos que irão nos deixar felizes... Mas tenho muita paciência e ela tem sido minha companheira enquanto espero. Vamos esperançar!
    Bom findi.Beijos.
    https://www.facebook.com/MariaEmiliaBTeixeira/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Maria Emilia!
      Talvez o segredo seja mesmo esse, não esperar de alguém algo que não pode nos fornecer. Criamos certas expectativas que jamais serão supridas, independentemente do nosso esforço.
      Obrigada pela mensagem de esperança!

      Beijão!

      Excluir
  6. Respostas
    1. Olá, Regina!
      Obrigada por sua visita.
      Apareça quando puder!

      Beijos!

      Excluir
  7. Helena!

    você é sempre uma pessoa de muita intensidade. Estranho seria se você ão abdicasse a superficialidade!
    Ser intenso é uma dádiva. Quem tem medo disso não vale a pena presencia-la.

    beijo
    beinghellz.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Hellz!
      Talvez seja muito intensidade para compartilhar e isso acabe sendo assustador. Mas é isso aí... que permaneça quem aguentar! ;)

      Beijos, querida!

      Excluir
  8. Helena, muito bom! Me identifiquei demais.

    Beijão e boa semana pra ti.
    www.dilemascotidianos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Bruno!
      Obrigada.
      Uma ótima semana para você também!

      Beijos.

      Excluir
  9. Sobrevivemos apesar da "harmonia"! Fenomenal texto. abração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ives!
      Obrigada por sua visita! =)

      Beijos!

      Excluir
  10. Abdicar - renunciar voluntariamente... Às vezes é preciso p continuar... Belo texto...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Tarcísio!
      De vez em quando, algumas mudanças de atitudes são válidas. Necessárias, até. ;)

      Beijão!

      Excluir
  11. Bom dia, por vezes é necessário recuar para absorver o que a vida nos ensina, depois, é ganhar motivação para prosseguir, ultrapassar as novas pedras que vão surgir pelo caminho, certamente que o objectivo vai ser concretizar e trazer a felicidade.
    Neste mundo só a natureza é perfeita, de resto, somos o que somos e só nos aceita quem quer.
    Continuação de semana feliz,
    AG

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, AG!
      É isso aí. Precisamos viver um dia de cada vez e superar os obstáculos da melhor forma que conseguimos. Nem tudo acaba saindo do jeitinho que queremos, afinal de contas.
      Um ótimo fim de semana.

      Beijão!

      Excluir
  12. Texto absolutamente sucinto.
    É isso.
    Sem mais.

    Beijos
    https://sentimentalismodesmedido.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Sobreviver, que luta pra conseguir!
    Pessoalmente, vivo da sobrevivência. Foi o que me coube!
    Ótimo texto, Helena!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sandra!
      Obrigada!
      Talvez esse seja o segredo: sobreviver, apesar de...

      Beijo grande!

      Excluir
    2. Cada vez mais certa de que apenas sobrevivemos, o que passa disso é ilusão!
      Bjs, Helena.

      Excluir
  14. Sobreviver é uma arte!
    Estamos tentando, sempre.

    Abraços, Helena!

    Dave.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Dave!
      É... a arte da sobrevivência.
      Vamos nos adaptando, superando algumas condições adversas e fazendo valer a pena!

      Beijão!

      Excluir
  15. A luta da sobrevivência, quem é que nunca batalhou pra se manter de pé?
    O que não podemos mesmo é desistir. Apesar dos obstáculos, das derrotas, das dificuldades: persista!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Kelly!
      Realmente, é uma luta constante. Mas o importante mesmo é levantarmos quando caímos, pois, determinados tombos são inevitáveis.

      Beijão!

      Excluir
  16. Olá, querida Helena!

    Por onde anda essa "minina" forte (eu sei k já disse k não era assim tão forte), de olhar bem escancarado, inteligente, embora de dedinho na boca, o k não significa receio, mas sim, reflexão, em minha opinião?

    Não se deixe levar na onda e se afirme. Ninguém pode modelar você, pke você já nasceu com formas mentais e físicas bem estruturadas e delineadas.

    Jean-Jacques Rousseau afirmava que o Homem nascia, naturalmente, bom, mas depois a sociedade o estragava. Bem, há um pouco de verdade nessa teoria, mas antes k as pessoas nos "estraguem", há k saber ser estoica, determinada e firme.
    Uma autoestima elevada é mais k meio caminho andado.

    Pare de sofrer, escusadamente, pke ninguém merece. Você é um ser vivo e não queira, de modo nenhum, sobreviver. VIVA COM PRAZER e deixe o outro nas catacumbas pra onde te queria levar.

    Precisamos de profetas da graça e não da desgraça e destruição é palavra que deve abolir do seu cotidiano, dos seus sentires.

    Beijos e dias felizes e organizados, sem caos (risos)!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Céu!

      Que delícia de comentário! Pois é... vamos acumulando tantas decepções que acabamos por perder a fé nas pessoas. Mas, como surpresas boas ocorrem de vez em quando, a nossa esperança pode ser restaurada.
      Sempre existe a possibilidade de termos alguns sonhos realizados, afinal de contas.

      Um ótimo fim de semana para você!
      Beijos, querida!

      Excluir
    2. Mto obrigada, Helena, mas eu só disse mesmo a verdade, aquilo k sinto e k é plausível.
      Acredito e sei k sim, mas a vida vai continuar, a vida não vai parar, ah, disso eu sei.

      Olha, querida, mal de nós se a esperança não sofresse remodelações e restaurações, assim, como sofrem os edifícios precisando de obras, de intervenções (A Esperança sempre acompanhou o Homem).

      Contando bem as contas - risos - não as do rosário, há sempre chances de realizar nossos sonhos, sempre, mas pra isso, nossa contribuição e determinação são pilares fundamentais.

      Escolha seu "templo"!

      Novo post e poema em meu blog. Aguardo você. Tá?Obrigada, desde já!

      Beijos e um maravilhoso domingo. O faça, o construa!

      Excluir
    3. Olá, Céu!
      Você tem toda razão, minha querida. A vida continua independente do que estamos sentindo, então, a melhor forma de seguir em frente é direcionarmos nossas ações à realização de alguns desejos, vencendo novos desafios. Nossa esperança, às vezes, murcha... mas são momentos que devemos superar.
      Com certeza estarei te fazendo uma visita!
      Uma ótima semana para você.

      Beijão!

      Excluir
    4. Olá, Helena!

      A vida não para mesmo.
      Aguardando sua visita, querida!

      Beijos!

      Excluir
    5. Olá, minha querida!
      Acabei de te fazer uma visita. Me perdoe pela demora....
      O seu texto está incrível!

      Beijo grande!

      Excluir
  17. Querida amiga Helena....
    Eu queria olhar dentro de teus olhos e dizer que és uma pessoa doce, linda, gentil, carinhosa, amorosa... um pessoa rica por dentro e por fora.
    Tua riqueza maior é a tua espiritualidade, teu interior... tua grandeza pessoal.
    Os arranhões da vida servem para nos fortalecer.... mesmo que esse processo seja lento, saímos sempre mais fortes!!
    "...a esperança é um fardo monumental para carregar. ..."
    Lindo. Encorajador. Estimulante. Bem você!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, PDR!
      Querido poeta, você me acostuma muito mal com tantos elogios assim. Quem me dera...! Fiquei muito feliz com o seu retorno, meu amigo. Espero que tudo esteja se encaminhando melhor por aí.
      Obrigada por suas palavras sempre tão inspiradoras.

      Beijo grande!

      Excluir
  18. Que post interessante... gostei também muito do teu blog.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Miguel!
      Obrigada... e a recíproca tbm é verdadeira.
      Seja bem-vindo!

      Beijos!

      Excluir
  19. Tão interessante, adorei :)
    beijinho, Sofia ♥

    http://live-to-sparkle.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Boa tarde, Voltei com a certeza que hoje está mais forte que ontem, que encara as dificuldades com normalidade, ultrapassa as mesmas com mais facilidade, tenho razão?
    feliz fim de semana,
    AG

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, AG!
      Com certeza! Nenhum obstáculo é intransponível.
      Um ótimo restinho de semana para você!

      Beijo, querido.

      Excluir

Se você conseguiu chegar até aqui é porque teve paciência suficiente para agüentar minhas insanidades. Prometo agüentar as suas também... Vai! Me diz aí o que você pensa.Tenho certeza de que vou adorar!