quinta-feira, 19 de janeiro de 2023

sexta-feira, 6 de janeiro de 2023

(Des)Interesse


Às pessoas emocionalmente saudáveis - essa gente feliz, bem resolvida e de autoestima inabalável - eis aqui os meus eternos bocejos.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2022

Pretexto


Não utilize uma decepção como pretexto para afastar as outras pessoas: a solidão faz o nosso coração apodrecer.

(Sem) Moderação


Transborde, arda, enlouqueça! 
Afinal, há uma linha muito tênue entre a lucidez e a chatice.

segunda-feira, 23 de agosto de 2021

(In)Completo


Definitivamente, tenho preguiça das pessoas que são sedutoras o tempo todo. 
Afrouxe a cinta, colega. Aprenda que não há nada tão irresistível quanto o bom humor.

quinta-feira, 12 de agosto de 2021

(Des)Controle



N
ão supervalorize o equilíbrio: 
Pessoas desprovidas de loucura são asfixiantes.

quarta-feira, 11 de agosto de 2021

segunda-feira, 2 de agosto de 2021

(Auto)Sabotagem



Não adianta acumular a sujeira embaixo do tapete, moça. 
Lixo aglomerado é capaz de contaminar a sua alma.
 

sexta-feira, 30 de julho de 2021

Lamento Agudo





Mal-aventurados aqueles que optam pela estabilidade e pelo conforto e que domesticados, seguem a vida em ritmo previsível. Criaturas em estado irreversível de torpor que com sanidade, atenuam os ávidos sentimentos capazes de estrangular a sua alma.

(Aprecio os desejos urgentes, as paixões desmedidas que nada respeitam.)

Infelizes aqueles que buscam uma estrada segura e asfaltada e que desorientados, amedrontam-se com os caminhos sinuosos à beira do abismo. Seres moribundos que incrustados em seus hábitos, evitam os arriscados itinerários por receio das terríveis emboscadas.

(Não há nada tão perturbador quanto a monotonia de determinados trajetos.)

O meu desprezo é direcionado aos covardes de espírito seco e de coração oco que temem a intensidade de existir. Portanto, meu bem, não seja dominado pela apatia: lembre-se de que não há esperança para aqueles que negligenciam as suas próprias emoções.

quinta-feira, 29 de julho de 2021

Vestígios



Eu estou fora dos padrões ideais. Portanto, não me inclua em categorias onde os elementos são didaticamente classificáveis. O meu ser é composto de fragmentos puros e indecentes, um amontoado de vícios e de virtudes que garantem a minha funcionalidade.

Sendo assim, escolha a perspectiva que mais lhe agrada. Ou então, não se apegue aos detalhes: simplesmente reconheça que em determinados momentos somos apenas o que nos convém.



terça-feira, 27 de julho de 2021

Obrigada, Universo!



Eu cheguei à conclusão de que a vida me trata de forma muito canalha: afaga, porém, chuta o meu traseiro logo em seguida. Mas nessa relação de amor e ódio, entre carícias e bofetadas, eu consigo sobreviver 
nem que seja por teimosia.

quinta-feira, 22 de julho de 2021

Livre-Arbítrio



Entenda, meu bem: 
Só porque eu nunca dancei conforme a música não quer dizer que ficarei estática na pista.

terça-feira, 20 de julho de 2021

(Re)Começar



Não é sobre apagar o passado e sim, deixá-lo para trás: páginas foram viradas, capítulos estão encerrados - um ponto final substituindo todas as minhas vírgulas.