quarta-feira, 22 de junho de 2016

Pequenas Ironias

“-Querida! Vem cá, quero te apresentar o meu marido.”

Só precisei de uma fração de segundos para reconhecer o indivíduo. Em outra situação eu riria até um ataque cardíaco, pois, a sorte nunca está ao meu lado mesmo: sou invariavelmente protagonista de piadas cruéis do destino.

Bom, a verdade é que o sujeito em questão me ensinou diversas lições valiosas - inclusive foi o responsável por demonstrar que existem pessoas tão pegajosas que atingem um nível completamente obsessivo. A personificação da loucura, saca?

Assim que nos despedimos, ela me entregou o seu cartão. É claro que contive o desejo ardente de rasgá-lo em pedacinhos e engolir cada um deles. Mas talvez meu instinto de autoproteção fale mais alto e eu ainda o faça.

14 comentários:

  1. Não são Pequenas Ironias... são as grandes ironias da vida!!!
    Rasgue o cartão em dois mil pedacinhos, mas não os engula....
    Atire-os numa curva de rio, pois teu instinto de autoproteção é muito valioso e tua saúde mental mais ainda...!!!
    Poste com mais frequência!
    Beijos do PDR, agradecido pela visita!!!

    ResponderExcluir
  2. Olá, PDR!
    Certamente estou precisando realizar alguma simpatia que afaste determinadas pessoas do meu caminho. E, de preferência, por muito mais tempo.
    E não precisa agradecer, é sempre um prazer. ;)

    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Que tudo fique bem e voce nao precise encontrar essa pessoa outra vez.
    Abraco profundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sara!
      Assim espero... =)

      Beijos, querida.

      Excluir
  4. Bom dia, cada dia vivido estamos sujeitos ao inesperado, que pode ser positivo ou negativo, em ambos casos é necessário saber ultrapassar ou acolher o mesmo, sabendo da imperfeição do ser humano, (ainda bem que assim o é) existe de tudo, arrogância, obsessivo, distante, assim como, o humilde que é sinonimo de inteligência, por feitio gosto olhos nos olhos ao mesmo nível, assim, digo na hora, o que tenho a dizer positivamente ou negativamente.
    Obrigado pela sua visita, foi simpático da sua parte, adorei conhecer esta sua pagina, excelentemente apresentada e interessante.
    Resto de boa semana,
    AG

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, AG!
      Você tem toda a razão. Afinal de contas, seria muito chato se todos fôssemos iguais, de qualquer forma. O melhor mesmo é aprender a conviver com as diferenças, ou ao menos, evitarmos o que nos faz mal.
      Eu que agradeço a visita!
      Uma ótima semana.

      Beijão.

      Excluir
  5. Bom dia querida Helena..
    as vezes a vida nos prega belas peças..
    tudo é atração.. atraímos circunstancias..
    pq as mesmas precisam ser curadas..
    ng cruza nosso caminho por acaso..
    sempre temos algo a aprender e a ensinar..
    seja sempre feliz bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querido!
      Olha, ainda tenho minhas dúvidas se realmente algumas feridas podem ser curadas ou determinados traumas sanados. O jeito é esperar... somente o tempo dirá.

      Beijo grande e um ótimo fim de semana.

      Excluir
  6. Putugal is a Racist country & i highly advice you don't spend your money visiting there! BE CAREFUL FRIENDS, Hugs & kisses (L)

    ResponderExcluir

Se você conseguiu chegar até aqui é porque teve paciência suficiente para agüentar minhas insanidades. Prometo agüentar as suas também... Vai! Me diz aí o que você pensa.Tenho certeza de que vou adorar!